terça-feira, 20 de outubro de 2009

Triste


Eu cheguei a conclusão de que sou triste, o fato de estar algumas vezes alegre não compromete de jeito nenhum o meu viver triste, sou triste e pronto, fui triste desde criança e mudar agora seria tarde demais, seria não ser mais "eu", seria  como se um espírito encarnasse em mim e decidisse agir e pensar por mim. Mas não quero isso, me nutro com a tristeza uso-a para escrever, ela me faz companhia na hora do vinho e deixa-o mais delicioso e mais romântico.Escrever é estar triste!

Nenhum comentário:

Postar um comentário